Economia ainda cambaleando, instabilidade política, incerteza no emprego... o ano de 2016 não está sendo fácil para muita gente. Se mesmo assim você está com um bom dinheiro guardado no bolso e quer comprar seu carro sem gastar muito, nós selecionamos 10 boas opções que você pode adquirir na faixa de R$ 20.000.

Vale destacar que, com uma boa negociação e dependendo da forma de pagamento, você pode até conseguir um bom abatimento no preço, portanto não deixe de “chorar” na hora de fechar negócio. Vale destacar que na lista abaixo selecionamos modelos com até 5 anos de uso, afinal de nada adianta você gastar pouco na hora da compra e ter que viver com o carro na oficina ou fazer consertos muito caros.

O interessante da lista é que você encontrará modelos até mesmo com motores acima de 1.0 l e até uma picape compacta conseguimos garimpar pelo valor desejado, o que é interessante para quem precisa de um veículo de aplicação comercial. Confira o levantamento abaixo em ordem alfabética de marca e modelo:

Chevrolet Classic: por muito tempo o sedã mais barato do Brasil até sair de linha neste ano, o Classic é uma opção se você tem família ou precisa de mais espaço para bagagens graças ao porta-malas mais generoso em relação ao que encontramos em um hatch compacto. Derivado da primeira geração do Corsa, ainda um projeto europeu da Opel, o Classic conta com um mecânica bem robusta e pouco propensa a quebras, além disso ae ergonomia é bem melhor resolvida que o Celta, por exemplo.

Chevrolet Corsa 1.4: ele foi produzido até 2012 e deixou saudade como uma opção bem racional de hatch médio. Seu projeto, também da alemã Opel, ainda era tão competente que ofuscou seu sucessor Agile, que durou pouco no mercaod devido às várias críticas. Com motor 1.4 flex, o Corsa tem desempenho adequado para sua proposta, melhor que qualquer 1.0, e não exagera no consumo. Muitas unidades não contam com ar-condicionado, portanto é bom ficar esperto (a) com isso.

Citroën C4 1.4: a primeira geração do hatch francês conquista pela boa qualidade do acabamento, o interior com espaço razoável para 4 adultos e, assim como o Corsa citado acima, a combinação agradável proporcionada pelo motor 1.4, que movimenta com competência o hatch e traz consumo comedido, algo importante quando falamos em carros que não nos representem um gasto muito grande.

Fiat Uno Mille Fire Economy: um dos modelos que ficaram mais tempo em produção no país, o veterano Uno baseado ainda na primeira geração do modelo é um modelo que oferece espaço interno como poucos e uma mecânica bem robusta para enfrentar as condições de piso mais adversas. Como é leve, o motor 1.0 Fire não sofre para movimentar o modelo, que traz o baixo consumo de combustível como uma de suas outras vantagens. Só atente que o preço do seguro para o modelo costuma ser elevado, além disso é comum encontrar várias falhas de montagem no acabamento do painel em várias unidades.

Fiat Uno Vivace: para quem procura um modelo com visual mais novo, o Uno Vivace, baseado na nova geração do hatch, é uma opção. Por até R$ 20.000 geralmente você encontará unidades sem tanto equipamentos de conforto, tendo que abrir mão do ar-condicionado em muitos casos.

 
 
Ford Courier 2013
 
Ford Courier 2013
Ford Courier 2013
Chevrolet Classic 2016
 
Chevrolet Classic 2016
Chevrolet Classic 2016
Chevrolet Corsa 2012
 
Chevrolet Corsa 2012
Chevrolet Corsa 2012
Peugeot 207 2009
 
Peugeot 207 2009
Peugeot 207 2009
Fiat Palio 2012
 
Fiat Palio 2012
Fiat Palio 2012
Fiat Uno Vivace
 
Fiat Uno Vivace
Fiat Uno Vivace
Fiat Uno Mille Fire Economy
 
Fiat Uno Mille Fire Economy
Fiat Uno Mille Fire Economy
Ford Ka (segunda geração)
 
Ford Ka (segunda geração)
Ford Ka (segunda geração)
Citroën C3 1.4
 
Citroën C3 1.4
Citroën C3 1.4
Kia Picanto 2008
 
Kia Picanto 2008
Kia Picanto 2008
 
 

Ford Courier: a partir de 2007 ela passou a contar com motor 1.6 flex e saiu de linha em 2013, sendo uma boa opção para quem procura um veículo acessível para o transporte comercial ou uso no trabalho. A Courier oferece uma caçamba bem ampla, podendo acomodar até 1.030 litros ou 750 kg.

Ford Ka 1.0: a segunda geração do Ford Ka já pode ser encontrada por um preço bem acessível, na casa de R$ 20.000, com cerca de três a quatro anos de uso. É uma opção para quem quer um carro com visual não tão defasado e busca um modelo mais voltado ao uso urbano, como o segundo carro da família. Geralmente é fácil encontrar o modelo sem ar-condicionado nessa faixa de preço, logo é bom ficar atento (a) caso esse seja um item do quel você não abre mão.

Kia Picanto manual: no limiar de quatro a cinco anos de uso, você encontra a segunda geração do subcompacto como uma boa opção. Assim como no caso do Ka, ele é um modelo de proposta urbana por excelência, bom mesmo para transportar dois adultos e sem se preocupar com muito espaço para bagagem, tanto é que seu porta-malas é bem pequeno. O Picanto, contudo, é um modelo econômico e com bom nível de equipamentos, sendo que você praticamente não vai encontrar unidades sem ar-condicionado, direção hidráulica e trio elétrico. Boa opção de segundo carro da família ou uma opção acessível para ir e voltar do trabalho todos os dias. O modelo conta com 5 anos de garantia de fábrica e, pesquisando bem, você pode ate achar alguma unidade com a cobertura vigente. No caso, não se esqueça de verificar se as manutenções estão em dia.

Fiat Palio Fire: o Palio Fire é talvez o modelo que você poderá encontrar com a menor quilometragem ou tempo de uso. Você já acha algumas unidades com até dois ou três anos de uso na faixa de R$ 20.000, talvez muitas sem ar-condicionado ou direção hidráulica. O Palio Fire tem um conjunto bem resolvido: é agradável de guiar, anda relativamente bem para um carro 1.0 e consome pouco. Por contar com 4 portas, é um modelo mais interessante em relação ao Ford Ka e, por oferecer mais espaço interno e porta-malas, em relação ao Kia Picanto em especial, nos dois casos, se você tem família.

Peugeot 207: assim como no caso do Citroën C3 1.4, a elevada desvalorização dos franceses permite bons negócios no campo dos carros usados. Compartilhando o competente motor 1.4 do grupo PSA, o Peugeot 207 é uma opção para quem quer um hatch com propulsor acima de 1.0 l e espaço razoável para 4 pessoas. A vantagem, tanto no caso dele quanto do Citroën, é que a optar pelo carro usado você já não sofrerá tanto assim com a perda de valor do modelo, uma vez que a desvalorização estará bem amortizada. A liquidez do modelo, contudo, não é das melhores portanto ele é indicado se você pretende ficar um bom tempo com o carro.

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo |