Terminar 2010 na 13ª posição no ranking de vendas mostra que a Nissan continua atuando timidamente no Brasil. Mas a marca japonesa começou 2011 subindo uma posição (ultrapassou a Mitsubishi) e batendo recordes: ao comercializar 5.837 unidades em março, a montadora registrou alta de 73% em relação ao mesmo mês do ano passado e elevou sua participação no mercado de 1% para 2%. 

De acordo com a Nissan, puxaram esse crescimento os modelos Tiida e Sentra. O hatch médio, junto com sua versão sedã, vendeu 143% a mais (1.826 unidades) do que março de 2010, enquanto o carro que não tem cara de tiozão subiu 132% (1.154 emplacamentos) no mesmo período.

Com o objetivo de saltar para 5% de market share, a Nissan apostará suas fichas no compacto March, que chega no segundo semestre.

Rodrigo Mora

|