O primeiro exemplar do A3 Sedan produzido em São José dos Pinhais (PR) já pode ser visto pelo público no Audi Lounge, espaço exclusivo para clientes e entusiastas localizado na rua Oscar Freire, na cidade de São Paulo, onde ficará em exposição até o final deste ano. E, para chamar atenção, o modelo recebeu pintura especial em homenagem ao piloto Ayrton Senna.

A pintura do Audi A3 Sedan segue a mesma temática usada no capacete do tricampeão mundial de Fórmula 1, equipamento de segurança que ficou conhecido mundialmente em suas temporadas da competição e fazem alusão à bandeira do Brasil. O modelo traz as tonalidades verde, amarelo e azul, além da assinatura de Senna na lateral.

O modelo especial rodará o país em ações de marketing e eventos da Audi em 2016. Após isso, será leiloado com renda revertida para o Instituto Ayrton Senna.

A versão brasileira do A3 Sedan já está sendo comercializada nas concessionárias e em relação ao modelo importado da Alemanha se diferencia pelo novo motor 1.4 litro TFSI Flex, que entrega até 150 cavalos de potência e 25,5 kgfm de torque, câmbio automático Tiptronic de seis marchas (em substituição ao S tronic de sete velocidades e dupla embreagem) e suspensão traseira do tipo eixo de torção, que entrou para o lugar da suspensão multilink.

 
 
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna Audi A3 Sedan com pintura especial em homenagem à Ayrton Senna
 
 

Embaixador da Audi

A ligação da Audi com o piloto brasileiro remonta ao início da década de 90 quando a família Senna foi responsável pela introdução da marca alemã no Brasil. Semanas antes do acidente que tirou sua vida, em 1º de maio de 1994, Ayrton apresentou os primeiros modelos da Audi no país. Mesmo com a tragédia, o irmão Leonardo assumiu a responsabilidade de cuidar das vendas da Audi no Brasil que teve imenso sucesso, culminando com a fabricação da primeira geração do A3 no Paraná. Agora, o modelo, na versão sedã, volta a ter sua imagem ligada ao nome Senna.

Redação

Redação |