Sempre obcecada em manter seus carros atualizados (e incomodando os donos das atuais versões pela rapidez na troca de visual), a BMW apresentou hoje os novos modelos da Série 3, nas carrocerias cupê e cabriolet. O facelift foi mais acentuado na frente, que ganhou novos capô, faróis e para-choques com entradas de ar maiores. Na traseira, a mudança foi menor, apenas lanternas diferenciadas.
 
A renovação visual também abriu espaço para atualizações no motor 3 litros biturbo, de seis cilindros em linha. Agora são 310 cavalos de potência e 40,78kgfm de torque, que segundo a BMW estão de acordo com as normas do Euro 5. Há também uma opção de bloco 3 litros aspirado, de 233cv e 20,39kgfm de torque. Seja qual for o motor, a transmissão é a Steptronic, automática e com seis velocidades. Essa parceria faz os novos BMW Série 3 irem de 0 a 100km/h em 5,5 segundos, no caso do motor turboalimentado – equipados com a tração integral xDrive, o tempo baixa para 5,2 segundos. A velocidae máxima é limitada em 250km/h.
 
O interior não muda sensivelmente, apenas ganha novo acabamento. No caso do modelo conversível fica por conta de um sistema que refrata os raios solares, impedindo que a temperatura no interior se eleve. A BMW garante que os novos Série 3 chegarão à Europa e EUA no segundo trimestre. No Brasil é provável que isso ocorra no começo do 2º semestre.
Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/