Em meio a tantas más notícias, a General Motors comemora a ótima aceitação do Captiva, um crossover produzido no México que vende muito bem desde setembro de 2008. Tanto assim que apenas cinco meses depois da chegada versão V6 a montadora lança uma nova variante, a Ecotec 2.4 litros.

O objetivo está mais do que claro, embora a marca não admita: enfrentar o Tucson, da coreana Hyundai, que há algum tempo é o importado mais vendido do país. Isso porque o Captiva Ecotec custará cerca de R$ 10 000 a menos que a versão V6, ou seja, R$ 86 990 pela nova tabela. São apenas R$ 7 000 acima do preço do Tucson, porém, trata-se de um veículo maior e mais potente.

E o que muda em relação ao V6? Várias coisas a começar pelo motor 4 cilindros. A versão mais cara usa um 6 cilindros com bloco de alumínio e concepção moderna, mas tem um consumo equivalente à potência. Já o Ecotec é um projeto voltado para menor emissão de gases e redução do gasto com gasolina. Desenvolve 171 cv e consome um litro a cada 10 km na cidade e quase 15 km na estrada.

Economia desnecessária

Pena que a Chevrolet tenha rebaixado a versão ao trocar o ótimo câmbio de 6 marchas por uma transmissão de 4 velocidades. Não bastasse isso, decidiu oferecer o modelo sem pintura dos parachoques e das maçanetas, um óbvio economia desnecessária. O argumento soa pior ainda: o “Captiva Ecotec teria um visual mais off-road”, diz a marca.

Para compensar, há opção seqüencial no câmbio, mas acionado por teclas nas laterais da alavanca e a tração é apenas 4x2.

Computador de bordo incorporado

Ao contrário de situações anteriores, a GM parece ter ouvido com atenção as críticas a respeito da ausência de computador em um veículo de quase R$ 100 000 e o item passou a vir de série em todas as versões. Aliás, o pacote de equipamentos do Ecotec é bem interessante e inclui seis airbags, rádio com MP3, piloto automático, controles de tração e estabilidade, ABS e ar-condicionado, porém, este manual.

A velocidade máxima, antes limitada a 160 km/h, agora atinge até 180 km/h em todas as versões. A Chevrolet espera dividir ao meio a demanda entre o Captiva Ecotec e o V6 com ambas as trações – em janeiro o modelo teve 848 emplacamentos.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/