A GM, que já tem forte presença na China, ampliará sua participação nesse mercado de forma mais ousada. Já “sócia” das chinesas SAIC (com uma versão do Classic, nas fotos) e Wuling, a montadora norte-americana lançará no país asiático a marca Baojun, que focará suas atividades em carros de passeio mais baratos. Produção e vendas ocorrerão, exclusivamente, na China. "Nós vamos superar as expectativas dos consumidores criando uma marca que combina qualidade de nível mundial com baixo custo”, promote Shen Yang, gerente geral da SAIC-GM-Wuling.

Segundo os executivos da joint-venture, a Baojun vem de encontro com a demanda por carros de passeio mais acessíveis, que cresce na China. O esquema de venda e pós-venda será baseado na estrutura já existente da SAIC-GM-Wuling, e novos fornecedores serão incorporados à cadeia. A nova marca, no entanto, não substitui as demais da GM na China. “A introdução da Baojun é parte da estratégia multimarca da GM na China. Ela vai complementar nossas outras marcas vendidas por lá, incluindo a principal delas, a Chevroler”, explica Kevin Wale, presidente e diretor da GM China Group. A estreia do primeiro carro da Baojun ainda não foi definida.

Rodrigo Mora

|