O IIHS é um órgão semelhante ao europeu EuroNCAP e o Cesvi no Brasil. Independente, sua missão é contribuir para a melhoria constante da segurança a bordo dos automóveis. O instituto norte-americano completou 50 anos de atividades na semana passada e, para mostrar sua importância, realizou um inusitado crash-test.

O choque entre dois carros reuniu um Chevrolet Malibu 2009 e um Chevrolet Bel Air de 1959, justamente o ano de fundação do IIHS! O resultado do choque não poderia ser diferente: enquanto os “ocupantes” do sedã 2009 ficaram intactos, os “dummies”, bonecos que fazem as vezes de seres humanos, “sofreram” sérias fraturas no Bel Air.

Esse meio século de intervalo entre o projetos dos dois carros viu o surgimento de inúmeros itens de segurança como os cintos de três pontos com pré-tensionadores, airbags, carroceria deformável e com diferentes usos de materiais em sua composição, entre outros avanços.

Não é à toa que mesmo sendo mais pesado e com chapas e longarinas mais fortes, o sedã de 1959 levou a pior, com sua cabine sendo atingida fortemente enquanto o cockpit do Malibu parece intacto.

Nada mais prático para se mostrar o quão mais seguro são os carros atualmente, mas que corta o coração ver um clássico Bel Air ser destruído assim, isso não dá para negar.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |