Lançado em 2008 na Europa, o C3 Picasso recebeu seu primeiro “banho” de novidades. A principal delas é o lançamento da versão Blackcherry, modelo com visual diferenciado e mais itens de conforto de série. Outro destaque é novo motor 1.6 turbodiesel Euro5 HDI de 110 cv acoplado ao também inédito câmbio manual de 6 marchas. Segundo a Citroën, o novo conjunto mecânico proporciona menor consumo de combustível e reduz as emissões.

Baseado no C3 Picasso VTR-, versão intermediária da linha na Europa, a série Blackcherry se destaca pela pintura preta com elementos vermelhos. Não só isso, o carro também traz rack de teto, rodas de alumínio aro 17”, pneus de baixa resistência, ar-condicionado digital, controlador eletrônico de velocidade de cruzeiro (Cruise control) e sistema de áudio com conexão USB e Bluetooth para celular. Já o motor da versão é o 1.6 turbodiesel de 90 cv, ao passo que o câmbio é o automático sequencial com 6 velocidades.

C3 Picasso no Brasil

O Aircross, lançamento mais recente da Citroën no Brasil, é uma espécie de versão aventureira do C3 Picasso. No entanto, enquanto o modelo estrangeiro é totalmente novo, o nacional ainda mantém a plataforma da primeira geração do hatch C3, além de outros itens presentes em outros carros da marca à venda por aqui. A versão sem a caracterização off-road tem lançamento esperado para a segunda metade de 2011. A fabricante, porém, ainda não confirma.

Thiago Vinholes

|