O Salão do Automóvel de Detroit está sendo palco de grandes lançamentos. A General Motors está com um estande interessante e, entre outros modelos, está o novo Cadillac CTS 2010 em versão perua.

Trata-se de um modelo com estilo clássico, mas moderno, de carroceria. Chega a ser difícil de explicar. As linhas lembram os modelos da companhia, mas o automóvel consegue mostrar certa personalidade em relação aos outros.

A GM também assegura que aposta na funcionalidade e no eficiente consumo de combustível para tornar o modelo especial. Para se ter uma idéia, a média estimada para a estrada é de 11,9 km/l, algo interessante, se considerarmos sua motorização: um V6 de 3.6 litros com injeção direta da própria Cadillac, gerando nada menos que 308 cv de potência máxima.

A marca também está considerando o lançamento de uma versão menos potente, mas também V6. A capacidade volumétrica ficaria em 3.0 litros, também com injeção direta. A previsão é de que essa opção seja anunciada até a metade do ano e o maior objetivo dela é proporcionar uma maior economia de combustível.

Outro ponto interessante do novo CTS perua é sua capacidade para transportar bagagens. O modelo tem quase o mesmo tamanho de sua versão sedã, mas tem o dobro de espaço para carga. Ou seja, o porta-malas conta com 720 litros.

As principais novidades do projeto ficam por conta dos seguintes itens: luzes traseiras grandes e verticais, com a tecnologia de tubo de luz; tampa traseira com abertura elétrica (através do controle-remoto ou tecla no interior do veículo); spoiler do teto integrado à lanterna central elevada do freio (CHMSL); sistema de gerenciamento de carga no teto integrado com barras transversais; sistema de gerenciamento de carga com contenção ajustável no piso; novas rodas de 19 polegadas; e opção de teto solar traseiro amplo e panorâmico.

Redação

Redação |

Veja mais notícias da marca