A marca romena Dacia, pertencente à Renault, apresentará, no Salão do Automóvel de Genebra, nos próximos dias, o conceito Duster. Trata-se de um crossover com visual futurista criado pelo departamento de desenho da marca francesa na Romênia e na França.

Tudo bem, mas o que isso tem a ver com nós, os brasileiros? Tudo. Esse conceito é o que vem sendo chamado, até o momento, de anti-Ecosport, já que, quando estiver em versão final, poderá ser fabricado no Brasil para brigar contra o famoso veículo da Ford.

Com 4,2 metros de comprimento e 1,49 de altura, o modelo conta com muito mais do que um visual futurista. As linhas foram desenhadas para assegurar um bom coeficiente aerodinâmico.

O conceito que será mostrado em Genebra conta com um propulsor de 1.5 litro movido a diesel, que desenvolve 105 cv de potência. De acordo com a Dacia, o modelo é capaz de rodar 18,86 km com um único litro de combustível, além de emitir apenas 139 g de CO2 por quilômetro. O câmbio é manual, de seis velocidades.

Por fim, vale citar algumas outras características do conceito da Dacia. O porta-malas tem capacidade para 470 litros e o interior comporta, sem dificuldades, quatro ocupantes. A parte interna, aliás, tem detalhes interessantes, já que será possível ter sua configuração alterada em pouco tempo.

Redação

Redação |