O narcotráfico é um sério problema no México e o exército local trava uma constante batalha com os carteis que se sustentam da venda de drogas para os Estados Unidos e outros países na América do Sul. Um dos mais perigosos na região é o Los Zetas, grupo conhecido pela crueldade de seus crimes e mais recentemente pela inusitada capacidade de construir veículos blindados para combater a polícia.

Em operação realizada por militares mexicanos na região de Tamaulipas as autoridades encontraram os restos de um verdadeiro carro de combate artesanal. O veículo foi chamado pela imprensa local sugestivamente de “Monstruo 2011”. A adição do ano ao nome da máquina tem uma justificativa: este foi o segundo “Monstruo” encontrado no local. O primeiro foi confiscado em 2010.

Segundo aponta o website Blog del Narco (!) baseado em informações do exército mexicano, o Monstruo 2011 seria capaz de atingir até 110 km/h sob fogo pesado e com até 12 meliantes a bordo. Felizmente, o veículo não chegou a ser usado contra a polcia por estar ainda incompleto. O primeiro engenho dos Los Zetas atingia 40 km/h, informa a fonte.

Thiago Vinholes

|