Nem mesmo a Ferrari está livre da recente e assustadora onda de recalls da indústria automotiva. Só que o problema na marca italiana é um tanto grave: algumas unidades da 458 Italia foram vítimas de incêndio, vindo do compartimento do motor. O problema, segundo a marca, está no adesivo que prende o painel de isolamento térmico, localizado nos para-lamas traseiros, que inflama quando submetido a altas temperaturas. A Ferrari chama os proprietários do modelo para trocar o adesivo por rebites, resistentes ao intenso calor.

Os casos de incêndio na 458 Italia foram registrados nos EUA. No Brasil, a Via Italia, representante oficial da Ferrari, avisa que ainda não entregou nenhuma unidade do superesportivo a seus compradores - e quando isso acontecer, os carros já terão o problema remediado.

Rodrigo Mora

|