A Fiat deu largada nesta semana na produção do novo Egea na fábrica de Tofas, em Bursa, na Turquia. O novo sedã é baseado no conceito Aegea, apresentado no início deste ano, e será lançado por lá para ocupar o lugar do Linea. Além do mercado turco, o modelo deverá ser exportado para outros 40 países da Europa, Oriente Médio e norte da África.

Além deles, o Egea deverá ter outro mercado em vista, o brasileiro. Os sites Just Auto, da Inglaterra, e Auto Monitor, de Portugal, confirmaram que o modelo médio será produzido em Goiana, na nova fábrica do grupo FCA que hoje fabrica o Renegade e logo passará a montar a picape Toro. Uma versão hatch, ainda inédita, é cotada para produção em 2017 para o lugar do Bravo.

Questionada sobre o asssunto, a Fiat disse que não comenta especulações. Caso seja confirmada, a produção do Egea fará todo o sentido no mercado brasileiro. Com dois produtos com bons anos na ativa, tanto Linea como Bravo já não conseguem atrair muitos clientes para a marca.

Estilo encorpado

O novo Fiat Egea pode tornar-se um veículo competitivo se depender do visual, bastante encorpado e com ares de modelo de luxo. Ele se destaca pelo visual moderno, com faróis espichados na dianteira, grade com dezenas de filetes cromados, para-choques robustos, vincos marcantes nas laterais e lanternas que invadem a tampa do porta-malas na traseira.

 
 
Fiat Aegea Fiat Aegea
Fiat Aegea Fiat Aegea
Fiat Aegea Fiat Aegea
Fiat Aegea Fiat Aegea
Fiat Aegea Fiat Aegea
Fiat Egea na linha de produção na Turquia Fiat Egea na linha de produção na Turquia
 
 

Segundo a marca, o Egea mede 4,5 metros de comprimento, 1,78 m de largura e 1,48 m de altura, com distância de entre-eixos de 2,64 m, além de um porta-malas de 510 litros. Para efeito de comparação, o Linea oferece, respectivamente, 4,5 m, 1,73 m, 1,5 m, 2,6 m e 500 l. Ou seja, o modelo é ligeiramente maior.

Na gama de motores, o novo Fiat Egea vai dispor de um propulsor 1.4 litro de 95 cv, 1.6 E.torQ de 110 cv, 1.3 Multijet II de 95 cv e 1.6 Multijet II de 120 cv, com câmbio manual de seis marchas ou automático, também de seis velocidades.

Além do Egea hatch, a Fiat deve lançar uma perua baseada na mesma plataforma para ocupar o lugar do antigo Stilo Multi Wagon, nesse caso, apenas para a Europa.

Redação

Redação |