Primeiro fruto da aliança Fiat-Chrysler, o Freemont nada mais que é uma versão da Fiat para o Dodge Journey. O crossover, apresentado no Salão de Genebra neste ano, começou a ser vendido na Europa nesta semana nas versões com motor 2.0 Multijet de 140 cv e 170 cv, ambos com câmbio manual. Por lá, o modelo parte € 25.700, cerca de R$ 58.000. No segundo semestre, o carro também será oferecido com motor Chrysler 3.0 V6 Pentastar de 276 cv.

O modelo à venda no Velho Continente tem o sobrenome Urban, versão de acabamento que inclui bancos e volante revestidos de couro, sensor de estacionamento, 4 airbags, sistema de som com monitor de LCD com e conexão Bluetooth para celular, computador de bordo, ar-condicionado com três zonas de climatização, entre outros itens.

No Brasil, o Freemont chega ao mercado no segundo semestre importado do México, de onde também vem o Journey. Por aqui, o novo “Fiat” será oferecido com motor 2.4 a gasolina de 173 cv e câmbio automático. Os preços do carro no mercado nacional deverão girar em torno do R$ 70.000, mais em conta que o modelo da Dodge, que parte de R$ 82.900.

Thiago Vinholes

|