O Siena não é exclusividade do mercado brasileiro e regiões vizinhas de nossa fronteira. O carro da Fiat também é produzido na Turquia e na China, país onde assumirá uma nova forma em breve. Por lá, o veículo é feito pela Zotye, parceira da marca italiana no mercado local, que já mudou o visual do modelo duas vezes, assim como seu nome, que foi de Albea para Perla e em seguida para Lang Jun. E ele mudou novamente. Agora o sedã chinês se chama N200.

Quem adianta a informação é o website chinês Auto.Sina, que também flagrou um N200 recém-chegado à concessionária. Apesar de já estar nas lojas, o carro ainda será exposto no Salão de Xangai, que inicia suas atividades dia 28 de abril e segue até 11 de maio. Segundo a fonte, o lançamento da Zotye tem opções de motor 1.3 de 96 cv ou 1.5 de 123 cv, os dois a gasolina e com câmbio manual de 5 marchas.

As diferenças visuais do N200 em relação ao modelo nacional são expressivas. A porção frontal assume um formato ainda mais arredondado e os faróis com design mais elevado em direção ao capô. A traseira também muda bastante, em especial pelo vão na parte central do porta-malas. As lanternas também tem design diferente, embora lembre o desenho de versões passadas do Siena brasileiro.

O interior é outra parte modificada pela Zotye, que acrescentou um friso de plástico laqueado na parte central do painel e um rádio embutido. O volante também é da marca chinesa, ao passo que a alavanca do câmbio é igual a do primeiro Fiat Palio. A imagem da cabine ainda denuncia a presença de airbag duplo frontal e ar-condicionado no N200.

Thiago Vinholes

|