Após antecipar a nova geração do Territory por meio de esboços, a Ford agora divulgou as primeiras imagens da versão final de seu principal utilitário esportivo para o mercado da Austrália. Apesar de restrito a terra dos cangurus, o modelo, que estreia no país na Oceania somente em 2011, tem importância mundial. Seu visual, uma evolução do estilo Kinetic da marca, servirá de inspiração para a criação de novos SUV da marca para diferentes regiões, incluindo o projeto do novo EcoSport no Brasil.

Fiel as imagens no final de 2010, o novo Territory teve a grade totalmente redesenhada, ganhando ainda mais detalhes cromados, e as luzes de neblina formam um retângulo achatado composto de leds. Já na parte traseira, o destaque são as lanternas que se estendem pela lateral da carroceria, diferente do modelo anterior, cujas luzes partiam da tampa do porta-malas. O modelo, ainda na comparação com a geração anterior, também ficou mais alto e comprido.

A parte interna do Territory também é bastante diferente dos demais carros atuais da Ford. O volante tem desenho inédito e ainda carrega uma série de comandos para áudio e telefonia, assim como a parte central do painel, toda em plástico na cor prata e com uma grande tela de LCD na parte superior. Quanto a parte mecânica, a Ford divulga por enquanto que o carro terá uma opção de motor V6 turbodiesel. Porém, variantes a gasolina com injeção direta de combustível e turbo também são esperadas.

Além de antecipar parte do visual da segunda geração do EcoSport, que estreia no Brasil somente no próximo ano, o visual proposto pelo Territory servirá de base na criação de novos SUVs Ford para os mercados europeu e norte-americano, que preparam, respectivamente, as novas gerações do Kuga e Escape também para 2012.

Thiago Vinholes

|