A General Motors do Brasil deu início hoje à ampliação prometida para a fábrica de Gravataí, no Rio Grande do Sul, de onde saem Celta e Prisma e que, a partir de 2012, produzirá os novos membros do Projeto Ônix. E, ao que tudo indica, o Projeto Ônix trata-se do Chevrolet Spark.

O Complexo Industrial Automotivo de Gravataí (Ciag) recebeu R$ 1,4 bilhão, que ampliará sua capacidade de 230.000 para 380.000 veículos por ano. A expansão também provocou um aumento de 260.000 m² para 290.000 m². Parte dos investimentos foi emprestada dos bancos públicos Banrisul (R$ 344 milhões) e BNDES (R$ 700 milhões). A GM afirma que, com a expansão do Ciag, serão criados 1.000 novos empregos no complexo industrial. Erguida em 2000, a fábrica de Gravataí passa por sua segunda ampliação – a primeira, ocorrida em 2005, custou R$ 480 milhões e teve como fruto a produção do Prisma.

Rodrigo Mora

|