O governo planeja novas estratégias para aumentar as vendas do segmento automobilístico no Brasil, que no ano passado teve queda de quase 27%. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o Ministério do Desenvolvimento deve anunciar este mês um novo programa de renovação de frota para automóveis com mais de 15 anos e caminhões e ônibus com mais de 30 anos em circulação no território nacional.

"A criação do programa pode ser assinada ainda neste mês. Há um compromisso verbal das entidades com o governo", disse o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Junior. Segundo o executivo, esse novo projeto deverá ser responsável por aumentar as vendas anuais em 500 mil unidades.

Ainda não há muitos detalhes a respeito do programa, mas o proprietário deverá entregar seu veículo antigo (que seria transformado em sucata para reciclagem de aço) e, em troca, receberia uma carta de crédito com valor proporcional ao bem para dar entrada à aquisição de um veículo zero quilômetro em concessionárias e revendas independentes. Tal operação seria financiada por um fundo a ser constituído por recursos ainda sem origem definida. 

Redação

Redação |