Revelada no Salão de Chicago, em fevereiro, ainda como conceito, a Honda Odyssey foi finalmente apresentada no mercado norte-americano. A grande mudança está no visual, mais moderno que o da antiga geração – e até com uma pitada de esportividade, com sua linha de cintura, batizada de "lightning bolt” (relâmpago), mais alta.

Mudam na nova Odyssey faróis, grade, para-choque e capô, além das novas lanternas. A nova minivan está mais baixa e mais larga que a antiga versão, o que sugere um distanciamento do estilo habitual desse tipo de veículo – que, inclusive, é calçado sobre rodas aro 18. Há uma proposta diferente no interior, com a posição de dirigir mais reta. A Honda também promoveu mudanças lá dentro: sistema de áudio com 12 alto-falantes, sistema de navegação, janelas traseiras com cortina, 15 porta-objetos e terceira fileira de bancos, que pode ser acessada pela porta traseira, de acionamento elétrico.
A Honda não divulgou dados técnicos, mas a Odyssey deve vir equipada com um motor 3.5 litros V6, de 271 cv e câmbio automático de cinco velocidades.

Rodrigo Mora

|