O Honda Civic pode ser considerado um ícone da indústria automobilística japonesa. Fabricando desde 1972, o modelo hoje em sua oitava geração não será mais oferecido em seu mercado de origem. Segundo reportado pelo website Nikkei.com, o sedã em todas as suas versões teve suas vendas encerradas no país nesta semana. O motivo, conforme apurou a fonte nipônica, foi a forte redução da comercialização do carro na região, que vinha perdendo espaço para veículos compactos e híbridos subsidiados pelo governo local.

Mas a história do Civic está longe de acabar. Fora do Japão, o carro ainda tem vida longa. Sua próxima geração tem lançamento previsto para junho do próximo ano e será produzido em diferentes partes do mundo, inclusive na fábrica da Honda em Sumaré, no interior de SP. Na Europa e Estados Unidos, diferente daqui, o modelo também é oferecida nas versões hatch, esportivo Type R e Hybrid, com motor a gasolina assistido por outro elétrico.

Thiago Vinholes

|