A Hyundai confirmou para janeiro, na Coreia do Sul, o lançamento do Ioniq, modelo com o qual pretende se destacar no mercado dos veículos ambientalmente corretos.

O “pulo do gato” no caso do Ioniq é que ele vai conciliar os três modos de propulsão alternativa em um único conjunto. O modelo poderá funcionar como um híbrido, um híbrido plug-in ou rodar somente no modo elétrico.

“Nossa visão de mobilidade foca na escolha, com uma variedade de opções de conjuntos mecânicos que se enquadram nos diversos estilos de vida de nossos consumidores”, explicou Woong-Chul Yang, responsável pelo centro de pesquisa e desenvolvimento da marca. Vale destacar que em 2013 a Hyundai tornou-se a primeira fabricante a produzir em larga escala um carro movido a célula de combustível, no caso o ix35 Fuel Cell.

Até o momento a Hyundai não divulgou detalhes técnicos ou alguma foto sem disfarce do Ioniq, o que só deverá ocorrer no próximo mês.

Vale lembrar que em 2012, no Salão de Genebra, a Hyundai apresentou o conceito i-ioniq, desenvolvido pela marca na Alemanha. Pelo que a gente nota no primeiro teaser do Ioniq, é bem possível que suas formas fiquem próximas ao protótipo revelado três anos antes. Com um estilo bem futurista, que remete a uma combinação entre um hatch e um cupê, o conceito conta com 4,4 metros de comprimento. Como destaques, a Hyundai enfatizava na época o teto panorâmico de vidro e os farois com iluminação por leds. 

 
 
Hyundai Ioniq Hyundai Ioniq
Hyundai i-oniq Concept Hyundai i-oniq Concept
Hyundai i-oniq Concept Hyundai i-oniq Concept
Hyundai i-oniq Concept Hyundai i-oniq Concept
 
 
Redação

Redação |