A poucos dias de sua estreia oficial, durante o Salão de Genebra (3 a 13 de março, com abertura à imprensa nos dias 1 e 2), a Hyundai revelou oficialmente o i40. Fotos do interior e do conceito já haviam sido reveladas.

Seu desenho, concebido sob a linguagem "fluidic sculpture" (escultura fluída) lembra muito o do sedã Sonata, exceto pela frente. Destaque para o uso de LEDs de funcionamento diurno.

Segundo a marca coreana, o principal atrativo do seu lançamento é oferecer equipamentos e luxo de Audi, BMW e Mercedes-Benz, porém com preço acessível – diferencial que virou o slogan “premium moderno”. Na prática isso se traduz em matérias internos de alta qualidade, conectividade Bluetooth, assistente de estacionamento, freio de estacionamento elétrico, teto solar panorâmico, assentos frontais com aquecimento e faróis bi-xenon. No porta-malas, o i40 Estate leva 553 litros, ou 1.790 com os bancos reclináveis.

Lá fora, o i40 usará motores a gasolina e diesel, com potências que variam de 113 a 140 cv, inicialmente. Entre seus concorrentes, estão Volkswagen Passat e Ford Mondeo.

Rodrigo Mora

|