Os vendedores da CAOA, que monopoliza as concessionárias da Hyundai no Brasil, são ótimos atores – ou completamente desinformados. Há três meses, AUTOO rodou algumas lojas da marca em busca de informações sobre o i30 CW e ouviu, até com certo desinteresse da parte do vendedor, que a perua derivada do hatch “era apenas um sonho distante”. Todos negavam a vinda do modelo para cá, jurando que nada sabiam.

Eis que o i30 CW chegou, e seguindo a estratégia de não colocar a mídia especializada em contato com o carro, a CAOA lançou o carro por aqui e já divulgou sua lista de preços. A definição de cada catálogo, inclusive, é confusa. O modelo básico, Intermediário, sai por R$ 59 000, enquanto o Intermediário com câmbio automático custa R$ 64 000. Em seguida vem o Completo, por R$ 67 000, e o Completíssimo, por R$ 74 000. Por fim, o TOP, por R$ 78 000.
 
Sob o capô, o i30 perua mantém a motorização do hatch: 2.0 16 válvulas de 145 cv, movido apenas a gasolina e acoplado a um câmbio manual de cinco velocidades ou a uma transmissão automática, de quatro marchas.

Rodrigo Mora

|