Se a curiosidade pelos modelos da chinesa JAC continua após a exposição durante o Salão do Automóvel, um alento. A marca decidiu abrir a primeira concessionária no dia 15 de dezembro, mais de três meses antes do lançamento oficial, em 18 de março.

A intenção de Sergio Habib, executivo responsável pela desconhecida marca no Brasil, é usá-la como um laboratório para as demais concessionárias – somente no dia da inauguração, serão abertas 45 lojas em várias partes do país.

O local escolhido para avant-prémiere é o Auto Shopping São Paulo, uma mega-loja que faz parte do complexo Aricanduva na Zona Leste da capital paulista, não por acaso uma região onde a classe C, compradora dos carros de Habib, é imensa.

De início, apenas o hatch J3 e o sedã J3 Turin serão vendidos, o primeiro com preço de R$ 37.900 e o segundo, de R$ 39.900, valores altos para os padrões chineses. Na ótica do empresário, os veículos da JAC são superiores aos outros conterrâneos, mas somente a partir do dia 15 saberemos se o suficiente para atrair a clientela.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/