A Jaguar também chegou com novidades para o Salão do Automóvel de Detroit, que está sendo realizado nos Estados Unidos. Entre os modelos do estande da companhia britânica está a versão esportiva do sedã XF, que pode se tornar uma das salvações da companhia no atual cenário da crise.

Nomeado de XFR, o modelo ganhou um visual bem mais agressivo. Para conseguir isso, nem foram realizadas tantas modificações. A principal ficou por conta do novo capô com entradas de ar e desenho diferenciado. A grade tem maior dimensão e a carroceria passa a ter detalhes cromados.

O logotipo da versão “R” também deixa o automóvel mais personalizado. Por dentro, também foram introduzidos alguns detalhes em alumínio, além de os assentos e o volante terem desenho mais esportivo.

As modificações não ficaram apenas por conta do visual. O motorzão passa a ser um 5.0 litros sobrealimentado, que desenvolve nada menos que 510 cv de potência. Com isso, a aceleração de 0 a 100 km/h é feita em apenas 4,7 segundos, com uma velocidade máxima de 250 km/h, limitada eletronicamente.

Marca reestilizou o XKR

As versões esportivas são definitivamente as apostas da Jaguar para o Salão de Detroit. Além do já citado XFR, a marca também mostrou a reestilização que fez no XKR, visando bater de frente com o esportivão BMW M6.

Redação

Redação |