A Hyundai do Brasil, que já quase não exagera na propaganda, tem um prato cheio à sua frente. O grupo formado por Hyundai e Kia, que lá foram são unidas, bateu a Toyota como maior fabricante asiático na Europa. Em 2010, as sul-coreanas venderam 521.369 unidades, contra 511.754 veículos da Toyota, que ainda soma os resultados da Lexus, sua divisão de luxo.

No Brasil, Hyundai é a sétima colocada e soma até outubro 85.932 emplacamentos, enquanto a Toyota fica na oitava posição, com 79.102 vendas. Se por aqui, assim como lá fora, Hyundai e Kia (que é 11ª no ranking nacional) operassem juntas, o grupo seria o quinto colocado, com 130.635 unidades vendidas, atrás somente de Ford, Chevrolet, Volkswagen e Fiat.

Rodrigo Mora

|