Atenção camaradas, a Lada pode voltar ao Brasil! Quem avisa é o site norte-americano Inside Line em reportagem a respeito do grupo AvtoVAZ – dono da Lada e aliado da Renault -, que anunciou a intenção de aumentar sua presença em mercados de todos os continentes. Por aqui os carros russos viriam importados do Uruguai, onde a empresa do leste europeu planeja erguer uma nova fábrica. A data de desembarque, entretanto, ainda não foi estipulada pela fabricante.

Conforme revelou à fonte, Artem Fedosov, vice-presidente de vendas e marketing da Lada, afirmou ainda que a futura fábrica uruguaia poderá receber a linha de montagem do veterano jipe Niva, que foi oferecido no Brasil entre 1990 a 1995, período em que a marca russa esteve no mercado nacional. Outras opções da fabricante no país eram o hatch Samara e a série Laika (sedã e perua). Na América do Sul, atualmente, a empresa atua na Venezuela, Equador e Colômbia.

A fama mundial da marca de Togliatti é sustentada basicamente pelo Niva 4x4, utilitário esportivo rústico que pouco mudou desde o seu lançamento, em 1977. Entre os produtos mais recentes da empresa, um dos destaques é a linha Kalina, modelo com visual mais contemporâneo e com boa aceitação no segmento de veículos compacto de baixo custo em alguns países na Europa, em especial da parte leste.

Thiago Vinholes

|

Veja mais notícias da marca