Dois anos após surgir como conceito – aparecendo inclusive no Salão do Automóvel de São Paulo, em 2008 – o LRX é revelado em sua versão de produção. Agora chamado de Range Rover Evoque, é definido pela Land Rover como um cupê, embora possa ser classificado como crossover, por conta da mistura de estilos. Sua estreia oficial será no Salão de Paris, em setembro, mas as vendas só começam no segundo semestre do ano que vem. A marca inglesa comercializará o Evoque em 160 países, incluindo o Brasil.

"Esse veículo começou como protótipo em 2008, e foi tão bem aceito que se tornou uma progressão natural nós querermos produzi-lo. É aqui que a colaboração entre designers e engenheiros se une”, diz Gerry McGovern, chefe de design da marca. Sem revelar detalhes técnicos e motorizações, a Land Rover apenas diz que o Evoque terá versões 4x2 e 4x4, e dependendo do modelo emitirá menos que 130g de CO2 por quilômetro. A novidade sairá da mesma fábrica do Freelander 2, em Halewood, na Inglaterra.

Rodrigo Mora

|