“A impressão é de que o carro mudou de geração, tamanha é a evolução estética”, gabava-se o diretor de design da GM, Carlos Barba, durante a apresentação do Cobalt 2016 para a imprensa especializada. Tudo bem que quando um pai fala do seu filho nós precisamos dar um bom desconto, mas é inegável que o sedã recebeu uma melhora gritante no visual.

A equipe de design realizou um excelente trabalho até porque nenhuma das alterações visuais parece uma adaptação mal feita. Nesse ponto, fica claro que a GM investiu bem na atualização do Cobalt, que pode até ser considerada profunda para um facelift. O motivo é que além dos novos para-choques dianteiro e traseiro, algo até simples de fazer, a marca optou por desenvolver novos para-lamas, tampa do porta-malas e capô. Aqui, sim, algo bem mais complexo e que requer bastante trabalho. 

Com isso, o modelo abandonou os farois de formato quadrado e as lanternas verticais do Cobalt até então oferecido nas lojas por peças mais horizontais, o que ajuda a criar uma sensação de maior largura do carro. Além disso, o Cobalt 2016 ficou bem mais elegante.

O resultado de tudo isso é que a Chevrolet quer dar ao sedã um aspecto mais refinado, transformando-o em um produto “aspiracional”, como é dito no jargão do marketing. “O Prisma, que tem um visual mais compacto e de apelo jovial, segue como uma alternativa mais esportiva em relação ao Cobalt, que sempre foi um carro mais racional. Com as novidades da linha 2016, a gente montou um carro para o perfil que chamamos de pai vencedor, ou seja, a melhor relação entre tamanho para acomodar toda a família com conforto e preço”, explica Samuel Russell, diretor de marketing da fabricante. O executivo também destaca que a maior parcela dos compradores do Cobalt tem entre 35 e 55 anos, sendo que 80% do total é casado e 66% tem 2 filhos.

Além de espaço e conforto, outro ponto que esses clientes procuram é o câmbio automático, que deverá responder por 80% do mix de vendas do Cobalt 2016. Aproveitando-se dessa brecha, a GM achou oportuno resgatar a designação Elite, que ficou famosa dentro das linhas Astra, Vectra e Zafira, para identificar a nova opção top de linha do Cobalt.

 

 

Chevrolet Cobalt Elite automático

  • Resumo

    Preço

    De R$ 67.990

    Categoria

    Sedã compacto

    Rivais

    Fiat Grand Siena, Volkswagen Voyage, Nissan Versa

    Vendas em 2015

    23.071

  • Mecânica

    Motor

    1.8 8V

    Potência

    108 cv a 5.400 rpm (E)

    Torque

    17,1 kgfm a 3.200 rpm (G)

    Transmissão

    Automática de 6 velocidades

  • Dimensões

    Medidas

    4,48 m de comprimento, 1,73 m de largura, 1,52 m de altura e 2,62 m de entreeixos

    Peso

    1.137 kg

    Porta-malas

    563 litros

 

Mais salgado

Para estacionar na garagem um Cobalt Elite como o que você confere nas fotos e foi avaliado pelo AUTOO, você vai precisar desembolsar salgados R$ 67.990. Tudo bem que a versão é bem equipada, mas é sempre bom lembrar que você ainda está em um Cobalt. Apesar das melhoras pontuais na cabine, como os elementos cromados ao redor das saídas de ar e as maçanetas com o mesmo tipo de acabamento, o Cobalt está longe de entregar o habitáculo de um sedã médio.

De qualquer forma, o pacote de itens de série do Cobalt Elite não desagrada, contemplando, além da transmissão automática de 6 marchas, o revestimento interno de couro (com várias nuances na cor marrom, a nova queridinha das marcas), sensores de chuva e luminosidade, rodas de liga leve, ar-condicionado, direção hidráulica e a segunda geração da central multimídia MyLink, que agora opera os sistemas Android Auto (Google) e CarPlay (Apple). Os softwares atendem 95% dos potenciais clientes do Cobalt, segundo pesquisa da Chevrolet, e tornam a integração entre os smartphones e o carro bem mais avançada e prática, já que você realiza vários comandos apenas com a voz.

Outro ponto que promete ser um diferencial de peso para o Cobalt 2016 é que ele é o segundo modelo da família Chevrolet, depois do Cruze, a oferecer o OnStar. O sistema avançado de telemática representa um belo salto em comodidade e segurança. Nenhum rival do Cobalt, como o Fiat Grand Siena, Nissan Versa e até o caro Honda City oferecem um recurso semelhante ao OnStar.

Motor deixa a desejar

Ao volante, o Cobalt mantém o comportamento neutro que agradou tantos taxistas e frotistas desde seu lançamento em 2011. Sua suspensão e direção são as mais equilibradas e confortáveis possíveis, como pede a cartilha de um bom sedã familiar. O Cobalt não tem – e nem foi pensado – para oferecer qualquer esportividade ou algo que sacrifique o conforto. Um de seus problemas, contudo, segue nas respostas apáticas quando o acelerador é pressionado com mais vontade. Talvez pelo fato do torque máximo aparecer só a 3.200 rpm, o Cobalt Elite deixa a desejar quando o assunto é desempenho. A potência de seu defasado 1.8 8V, que estaciona nos 108 cv com etanol, é outro ponto crítico. O motor 1.8 da Toyota, por exemplo, que conta com 16 válvulas e comando variável, oferece 144 cv.

Seja você um “pai vitorioso” ou um taxista querendo trocar seu carro de trabalho (é forte o sucesso do modelo para esse uso graças a seu generoso porta-malas e bom espaço traseiro), as importantes mudanças na linha 2016 do Cobalt tem tudo para ajudar o modelo a expandir um pouco seu leque de clientes. Atualmente ele só não poder para o Nissan Versa no ranking de vendas, ficando bem atrás do próprio Prisma, Hyundai HB20S, Volkswagen Voyage e Ford Ka+.

 
 
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
Chevrolet Cobalt 2016 Chevrolet Cobalt 2016
 
 

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo |