Rivais diretos quando movidos por motores a combustão, Audi R8 e Mercedes-Benz SLS AMG também se enfrentarão no campo da eletricidade. Enquanto a marca das quatro argolas promete o e-tron para 2012, a fabricante da estrela de três pontas acaba de apresentar o SLS E-Cell, com previsão de chegada às ruas em 2013. Pintado na cor “AMG Lumilectric Mango”, o novo superesportivo também tem um motor para cada roda, como o adversário.

Juntos, chegam à rotação máxima de 12.000 giros, entregando 526 cv de potência e 294 kgfm de torque – que, segundo a Mercedes, farão o SLS E-Cell chegar aos 100 km/h em 3,8 segundos. A energia é proveniente de baterias de polímero de lítio, armazenadas no túnel central e atrás dos bancos, refrigeradas ou aquecidas conforme sua condição por um sistema que regula a temperatura. Na parte frontal do carro, a instalação dos motores fez a fabricante trocar o sistema de suspensão Double-wishbone por um esquema multi-link. Há também um aerofólio dianteiro, que se estende ou se recolhe de acordo com a situação, melhorando a estabilidade do carro e diminuindo o arrasto aerodinâmico. No interior, destaque para a tela de 10 polegadas, com informações sobre a condição das baterias, autonomia, etc.

A versão a gasolina do SLS AMG leva um motor de 6.3 litros V8, de 571 cv. No Brasil, o último lançamento da Mercedes parte de US$ 360 000, algo em torno de R$ 675 000.

Rodrigo Mora

|