Que tal ter um Mercedes-Benz C63 AMG, com um motorzão V8 de 6.2 litros, capaz de desenvolver mais de 450 cv de potência máxima? Além do propulsor, as diversas modificações feitas pela preparadora da marca das três estrelas dá ao Classe C um desempenho como poucos no mundo dos automóveis.

Traduzindo: estamos falando de algo como ir da inércia a 96 km/h em apenas 4,3 segundos e atingir uma velocidade máxima de 250 km/h, limitada eletronicamente. Legal, até aí, nenhuma novidade. E, como muitos dizem por aí, esse carro “vale ouro”. E não é que levaram a sério essa máxima?

Foi vista, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, uma C63 AMG banhada a ouro. Infelizmente, nenhuma informação foi divulgada sobre o carrão, então não é possível saber se foi feita apenas de uma pintura ou se foi realizado um trabalho mais profundo (tudo o que sabemos é que as fotos foram feitas por Syed Aouf). A nós, mortais, resta babar nas imagens do veículo.

Redação

|