Depois do alemão Smart agora é a vez do britânico Mini chegar oficialmente ao Brasil – há anos ele é importado não oficialmente em quantidades consideráveis. A BMW, dona da marca, anunciou que o carrinho pode ser reservado pela internet e que será mostrado oficialmente na próxima segunda-feira, dia 13, em São Paulo e em Curitiba, as duas únicas cidades com representantes, por enquanto.

Os preços, embora menores que os praticados em lojas independentes, assustam. O Mini é menor que um Audi A3, por exemplo, mas custa quase o mesmo com motor 1.6 de 125 cv: R$ 92 500 na versão mais simples, Cooper. Quem quiser adquiri-lo com câmbio automático, terá de pagar R$ 6 000 a mais.

Para os que buscam mais potência, há o Cooper S, com motor turbo de 175 cv e preço de R$ 119 500. Mais cara e diferenciada, a versão Clubman S, apenas com câmbio automático e custando R$ 129 500 – a Clubman tem o entre-eixos alongado, lembrando uma pequena perua de duas portas.

Para reservar o Mini pela internet, basta acessar o site www.miniposts.com.br.

Ricardo Meier

Ricardo Meier |

Veja mais notícias da marca