Seja caçando dinossauros no filme Jurassic World ou sendo pilotada por Tom Cruise na ficção No Limite do Amanhã, a Triumph Bonneville é uma referência cultural há tanto tempo que muitas vezes não percebemos que a conhecemos. A moto britânica mais famosa da história já está há quase 60 anos no imaginário popular, seja como a moto de astros como Marlon Brando ou Steve McQueen – e mesmo agora quando vemos George Clooney pilotando um exemplar em suas costumeiras viagens.

Moto que definiu um estilo clássico e outras subdivisões como Cafe Racer e Scrambler, a Bonneville teve sua primeira edição produzida em 1959 e ganhou esse nome em homenagem ao recorde de velocidade obtido por um protótipo da marca três anos antes no deserto de sal do mesmo nome nos Estados Unidos.

Suas linhas carismáticas e despojadas atravessaram décadas, carreira só interrompida quando a Triumph original fechou suas portas por um curto período de tempo.

Renascida nos anos 90, logo os novos donos da Triumph perceberam que tinha um tesouro inestimável em seu portfólio que, embora tenha sido ampliado e ganhado volume com motos como a Tiger ou esportiva 675, mexia com a emoção de muita gente fã do visual retrô da Bonneville.

E tem sido assim desde 2009 quando a atual Bonneville foi lançada. No entanto, tudo mudará em 2016 com a chegada da nova geração da moto, cujo lançamento mundial foi acompanhado pelo iG na Inglaterra.

 
 
Lançamento da nova Bonneville na Inglaterra: moto clássica em alta Lançamento da nova Bonneville na Inglaterra: moto clássica em alta
A nova Bonneville à direita e uma versão customizada ao lado A nova Bonneville à direita e uma versão customizada ao lado
A Triumph mostra as possibilidades de customização do modelo A Triumph mostra as possibilidades de customização do modelo
Estilo Cafe Racer na nova moto da Triumph Estilo Cafe Racer na nova moto da Triumph
O logo da Triumph no farol da Street Twin O logo da Triumph no farol da Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Bonneville T120 Black Bonneville T120 Black
Bonneville T120 Black Bonneville T120 Black
A Thruxton normal não virá ao Brasil A Thruxton normal não virá ao Brasil
Bonneville T120 Black Bonneville T120 Black
Triumph T120 Black Triumph T120 Black
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
Triumph Bonneville Thruxton R Triumph Bonneville Thruxton R
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
Trium Trium
Triumph T120 com adesivo cromado Triumph T120 com adesivo cromado
Triumph T120 Black Triumph T120 Black
Triumph T120 Black Triumph T120 Black
Triumph T120 Black Triumph T120 Black
Os indicadores de direção da T120 Os indicadores de direção da T120
Rack de bagagem da Bonneville Rack de bagagem da Bonneville
Assento em tom marrom personalizado Assento em tom marrom personalizado
A Thruxton R A Thruxton R
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Street Twin com kit urbano Street Twin com kit urbano
A nova familia Bonneville A nova familia Bonneville
T120 Bonneville com kit Prestige T120 Bonneville com kit Prestige
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Triumph Street Twin Triumph Street Twin
Street Twin com kit Scrambler Street Twin com kit Scrambler
Street Twin e os detalhes da rabeta Street Twin e os detalhes da rabeta
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
Retrovisor da Thruxton R Retrovisor da Thruxton R
A Thruxton com kit esportivo A Thruxton com kit esportivo
Assento único da Thruxton R Assento único da Thruxton R
Triumph Bonneville Thruxton Triumph Bonneville Thruxton
 
 

Mais torque e potência

Foram quatro anos de desenvolvimento e o desafio de recriar um mito adicionando a ele itens modernos, mas sem deixar a tradição para trás. A nova Bonneville preserva o ar que a consagrou, mas acrescenta novidades que devem ampliar seu público.

São três versões além de duas outras derivações. A clássica T120 Bonneville, por exemplo, ganhou a companhia da T120 Black, com visual mais discreto comparado aos cromados da primeira. Já a potente e intimidadora Thruxton tem a companhia da versão mais esportiva ‘R’. Mas a surpresa da linha é mesmo a Street Twin, uma versão mais despojada voltada para um público jovem que buscava algo menos retrô que a Bonneville: “esse cliente costumava comprar a Bonneville, mas fazia customizações para deixá-la com um ar mais moderno”, explica Fernando File, gerente de marketing da Triumph do Brasil.

Embora sejam parte da mesma família, as três motos têm diferenciais importantes. A Street Twin está equipada com um motor de 900 cc que privilegia o torque e agilidade. A Bonneville, por sua vez, ganhou um novo motor de 1.200 cc com 54% a mais de torque enquanto a Thruxton usa uma versão desse motor que privilegia a potência pura.

Em comum, os três motores passam a ter refrigeração a água, encerrando uma tradição de motores a ar desde seu nascimento. Ciente disso, a Triumph optou por manter alguns adereços típicos de motos com esse tipo de motor para manter a ligação com o passado.

O visual clássico não impede que a nova Bonneville e suas irmãs passem a contar de série com recursos tecnológicos como controle de tração, ‘Ride by Wire’ e freios a disco avançados. Na Bonneville, o modo de pilotagem pode ser escolhido entre Sport e Road enquanto a Thruxton oferece ainda o modo Rain (chuva).

Aspirational Pack

A Triumph não se limitou a explorar algumas possibilidades de estilo na Bonneville. A fabricante britânica percebeu também que a tendência natural de seus clientes é de personalizar suas motos e decidiu explorar esse nicho. Toda a nova geração da Bonneville passará a ter até 470 opções de customização em seus concessionários. São os chamados “Aspirational Packs”, ou kits aspiracionais, que podem transformá-las em modelos ‘cafe racer’ ou Scrambler, além de diversos opcionais para que cada moto saia da loja com uma personalidade própria. Segundo File, esses acessórios podem acrescentar cerca de 20% ao preço final da moto, equivalente ao que os clientes gastariam em personalizações com terceiros.

A partir de abril no Brasil

Boneville e as celebridades
Divulgação

Marlon Brando, Steve McQueen, Bob Dylan, Tom Cruise e no blockbuster Jurassic World: Bonneville sempre teve sua imagem associada ao cinema

A Triumph confirmou para abril de 2016 o primeiro lançamento da nova geração da motocicleta. Nesse mês chegará à rede a Street Twin, principal aposta em termos de volume. Em junho será a vez da Bonneville T120 e em agosto a Thruxton R – a versão normal não será vendida em nosso mercado, a princípio.

A marca não quis antecipar os preços, mas estima que a Street Twin terá preços semelhantes aos da atual Bonneville, por exemplo. A expectativa é que a participação da ‘familia’ aumente de 12% para 20% no Brasil – todas elas serão montadas em sua fábrica de Manaus em regime de CKD. Se os planos derem certo, não só Tom Cruise aparecerá andando de Bonneville por aí.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |