O primeiro superesportivo sul-coreano não é um Kia ou um Hyundai. Há nove anos, ele foi projetado pela Proto Motors, mas agora pertence à Oullim Motors, que comprou a rival. E o mais perto que ele chega de uma marca famosa do seu país é no motor, um 2.7 litros V6, fornecido pela Hyundai. Sua carroceria é feita em fibra de carbono, enquanto o motor é central e a tração, traseira.

Apesar de oferecer apenas uma opção de motor, o Spirra pode ter diferentes potências. A configuração mais fraca, aspirada, tem 173 cv e 24,9 kgfm de torque. As intermediárias, turbinadas, alcançam 325 cv e 48 kgfm de torque e 414 cv e 49,9 kgfm de torque. A versão mais forte, biturbo, chega a respeitáveis 493 cv e 54,9 kgfm de torque. Todos os modelos contam com câmbio manual de seis marchas. Segundo a marca, as velocidades máximas variam de 212 km/h a 310 km/h. Os preços do Spirra ainda não foram divulgados.

Rodrigo Mora

|