A Hyundai tem motivos para comemorar. Com sua chegada oficial como fabricante em 2012, hoje ela já é a quinta maior montadora do país, com 8% de participação, atrás apenas de Fiat, Volkswagen, Chevrolet e Ford. Grande responsável por isso, o HB20 está mudando para continuar atual e forte perante a concorrência depois de três anos.

Apresentado na noite de segunda-feira (21), visualmente o hatch ficou bem parecido com o conceito R-Spec, apresentado no Salão do Automóvel do ano passado. Por fora, os parachoques dianteiro e traseiro têm novo desenho, e este último ficou 2 cm maior para proteger a tampa do porta-malas em impactos leves. Os faróis têm projetor e LEDs, mas apenas na versão mais cara, Premium, e lanternas traseiras revistas, com nova organização de iluminação e assinatura para, como dizem, reconhecer um HB20 de longe durante a noite. Os faróis auxiliares também possuem projetores.

O carro chefe da coreana estudou seus concorrentes para melhorar sua oferta de equipamentos e atualizações mecânicas. As versões 1.6 podem ter o câmbio automático de seis marchas, como o Chevrolet Onix, substituindo a caixa de quatro velocidades, e como os Volkswagen Fox mais caros, o mesmo motor tem, de série, câmbio manual de seis marchas e deixa de usar o esquecido tanquinho de partida à frio. Para o motor 1.0 de três cilindros, apenas revisão em itens para ajudar no consumo, com melhoria de até 6 %, mas ainda com a necessidade do tanque auxiliar para ligar em dias frios, algo que os demais três cilindros concorrentes já aposentaram.

 
 
HB20 2016: mudança leve para manter liderança HB20 2016: mudança leve para manter liderança
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta
Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta
Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta
Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta Hyundai HB20 2016: mudança leve para manter vendas em alta
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
Hyundai HB20 2016 Hyundai HB20 2016
 
 

Subindo o nível

Por dentro, a exigência foi melhorar os materiais dos acabamentos. Os bancos têm novos tecidos, com melhor toque e desenho, e detalhes em cromo e preto deixam o interior mais próximo de modelos mais caros. Para a versão Premium, o opcional de bancos em couro marrom o coloca mais perto dos Hyundai importados. Ar-condicionado automático digital e air bag lateral agora fazem parte da lista de equipamentos do HB20 topo – mas não os controles de tração e estabilidade, como o Ford Ka.

Como não poderia ser diferente, o quesito conectividade do HB20 também foi modificado. Além do novo desenho dos aparelhos básicos, que já possuem Bluetooth e porta USB, o sistema multimídia BlueMedia, com tela touch screen de 7”, agora se conecta e conversa com seu smartphone, seja Android ou iOS, via CarLink e Apple Car Play (este a partir de 2016), como o Fox.

Como tudo tem um preço, os preços subiram. Vejam:

- O básico Comfort 1.0, de R$ 38.995, já possui a direção hidráulica, ar-condicionado, computador de bordo com aviso de revisão, sistema de fixação IsoFix, para cadeiras infantis, rodas 14” com calotas e pneus 175/70, som com Bluetooth e USB e vidros dianteiros e travas elétricas;

- Na versão Comfort Plus 1.0, de R$ 42.595, adiciona rodas 15” com calotas e pneus 185/60, alarme, todos os vidros elétricos, chave canivete e retrovisor elétrico;

- A Comfort Style 1.0, de R$ 46.345, as rodas de 15” são de liga leve e todos os vidros tem subida e descida elétricos com função “um toque” e os faróis auxiliares projetores. Aqui, a lanterna é a nova, enquanto as anteriores mantem a anterior;

- A Comfort Plus 1.6 tem os mesmos equipamentos da 1.0, mais a partida a frio sem tanque, por R$ 48.745. Com câmbio automático, R$ 52.745;

- Comfort Style 1.6, de R$ 51.845, tem o mesmo pacote da 1.0, mais a partida a frio sem tanque. Com câmbio automático por R$ 55.845.

- A topo, Premium, com câmbio automático, de R$ 59.445, adiciona o ar-condicionado digital de uma zona, air bags laterais, faróis projetores com acendimento automático e retrovisores com rebatimento elétrico. Com bancos em couro marrom, R$ 61.035 e, mais acima, com central multimídia e couro por R$ 63.535.

Na prática

Com as maiores mudanças estão nas versões 1.6, iG avaliou uma delas. Em busca da melhora do consumo, o HB20 1.6 com câmbio manual de seis marchas tem, além da marcha a mais, escalonamento mais longo e recalibração da injeção. Continua com os 128 cv, mas aparenta ter acelerações mais lentas, sem mais a vigorosidade que ele possuia. Ainda assim, se sai bem na cidade e estrada se você quer apenas se deslocar sem mais emoção.

Na versão automática, as trocas mais suaves, a opção de trocas manuais sequenciais pela alavanca e as seis marchas o colocaram em um patamar acima para quem vai escolher entre os hatches sem o pedal de embreagem. Nenhum HB20 2016 possui novidades em suspensão ou direção, apesar da necessidade de mudanças. Com a resposta da assistência lenta e leve demais em velocidades mais altas e suspensão mais voltada ao conforto, quem gosta de andar mais rápido sentirá que falta algo no Hyundai. O hatch realmente tem foco no conforto.

Apesar das mudanças significativas, alguns detalhes poderiam ter sido revistos como a adoção de direção elétrica, mais precisa e econômica, e um novo motor 1.0 turbo, como o rival up!, por exemplo.

 

Hyundai HB20 Premium 1.6 Aut. 2016

  • Resumo

    Preço

    De R$ 59.445

    Categoria

    hatch compacto

    Rivais

    Chevrolet Onix, Ford Ka e Fiat Palio

    Vendas em 2015

    109,9 mil unidades (3º da categoria)

  • Mecânica

    Motor

    1.6 flex

    Potência

    128 cv a 6.000 rpm

    Torque

    16,5 kgfm a 5.000 rpm

    Transmissão

    Manual de 6 velocidades

  • Dimensões

    Medidas

    3,9 m de comprimento, 1,68 m de largura, 1,47 m de altura e 2,5 m de entreeixos

    Peso

    1.040 kg

    Porta-malas

    300 litros

 

Mercado, apesar de tudo

Com o seu produto nacional como segundo colocado em vendas para o varejo, a Hyundai não vê esta mudança como suficiente para chegar no primeiro colocado, o Chevrolet Onix, que possui uma maior rede de concessionárias e capacidade de produção maior que a planta da coreana em Piracicaba. Mas esta atualização de meia vida pode diminuir a diferença entre eles, ambos apresentados em 2012 para o público. As variantes S, sedan, e o X, aventureiro, serão apresentados posteriormente.

Leonardo Fortunatti |