A Kia pretende ser a primeira marca importada a oferecer modelos bicombustíveis. A empresa já havia anunciado anteriormente que testa o motor 1.6 16V este ano em carros avaliados no estado do Piauí. A ideia é estrear o motor flex no Soul em outubro e, logo em seguida, no sedã Cerato, já que ambos utilizam esse mesmo propulsor.

A surpresa, no entanto, é a versão flex do Picanto, o compacto urbano que é vendido no Brasil com motor 1.0. O presidente da Kia no Brasil, José Luiz Gandini, revelou hoje que ele será o próximo flex da marca.

O Picanto é hoje o 3º modelo mais vendido da marca coreana, atrás apenas do Sportage e do Cerato. Mas o motor flex pode fazer diferença já que todos os seus concorrentes nacionais possuem esse diferencial. Gandini, no entanto, não revelou quando isso ocorrerá, mas faltamente não será em 2010.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/