Ao que tudo indica a Mercedes-Benz está investindo pesado em seus planos de contar com uma picape média na sua gama de modelos.

Categoria muito bem aceita em mercados como a América do Sul, poderá ficar a cargo do Brasil a primazia de revelar como será o modelo. Segundo o canal francês TF1, a futura Classe GLT ou Classe X será revelada ao público mundial no Salão de São Paulo já no começo de novembro. Ainda de acordo com o TF1, poderá ser realizada uma prévia do modelo para a imprensa especializada ainda no próximo dia 25 deste mês.

A futura picape média da Mercedes-Benz compartilha o projeto com a nova geração da Nissan Frontier e da Renault Alaskan e também será produzida na Argentina para abastecer o mercado local. É bem possível que ela conte em sua versão de entrada com o mesmo motor 2.3 biturbo diesel presente nas picapes da aliança Renault-Nissan. De qualquer forma, já se sabe que a versão mais cara do utilitário da Mercedes-Benz terá sob o capô um propulsor 3.0 V6 turbodiesel de 258 cv e 63,2 kgfm de torque.

Certamente a ideia da Mercedes-Benz é rivalizar com as versões topo de linha de Toyota Hilux, Chevrolet S10 e companhia, portanto, considerando o valor dessas picapes, a montadora alemã terá margem suficiente para ultrapassar os R$ 200.000 no valor da picape. Além do conjunto mecânico mais moderno e eficiente, o bom acabamento tradicional da marca também deverá ser um forte argumento nas vendas.

O início das vendas da picape Mercedes deverá ocorrer entre o fim de 2017 e o começo de 2018. Procurada pelo AUTOO, a Mercedes-Benz do Brasil desmentiu a informação, alegando que a picape não será revelada no Salão de São Paulo. 

 
 
Mercedes-Benz GLT 2016
 
Mercedes-Benz GLT 2016
Mercedes-Benz GLT 2016
Mercedes-Benz GLT 2016
 
Mercedes-Benz GLT 2016
Mercedes-Benz GLT 2016
 
 
César Tizo

César Tizo |