O crossover Captur namora o Brasil há muito tempo a ponto de a Renault até admitir seu lançamento, logo cancelado graças às incertezas do mercado. Mas a montadora francesa não desistiu da ideia e agora surge o primeiro sinal do que estava aprontando.

A Renault divulgou nesta quarta-feira (16) o Kaptur, assim mesmo com ‘K’. Erro na hora de digitar seu nome? Não. A versão para ‘mercados emergentes’ deve se chamar assim, ao menos na Rússia, onde estreará em primeiro lugar.

Mas não se trata apenas de uma alteração na nomenclatura. O Kaptur será um SUV um pouco maior do que o Captur, além de ter um visual mais agressivo, como mostra a primeira imagem revelada pela marca (veja abaixo a comparação entre os dois).

É muito provável que o Kaptur esteja sendo preparado para produção no Paraná, ao lado do irmão Duster. Qual a razão? Eles utilizam a mesma plataforma (M0), mais simples e adequada para mercados onde não dá para colocar tudo que o Captur tem.

O Captur vs. o Kaptur
Divulgação

O Captur europeu e o Kaptur russo: versão com K é maior e mais barata de produzir

De olho no HR-V e Renegade

A idéia é que o Kaptur justifique o preço mais alto que o Duster – não faria sentido vender um veículo menor que ele, embora mais caprichado. Ou seja, é com o Kaptur que a Renault poderá enfrentar o HR-V e o Renegade flex – até versão com tração integral ele terá, ao contrário do Captur, que só dispõe de dianteira. Itens que o Duster não possui como direção elétrica também devem ser exclusivos do novo modelo.

Não é absurdo pensar que o Kaptur esteja presente no Salão do Automóvel, em outubro e que chegue ao mercado um pouco depois disso. Com essa novidade, o Duster vira opção mais acessível focada em brigar com os aventureiros e SUVs mais simples. E o Kaptur disputará o apetitoso segmento de SUVs acima dos R$ 80 mil e que hoje é um dos poucos a não sentir os efeitos da crise.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier |