Com a medíocre marca de 6.075 unidades comercializadas entre janeiro e setembro deste ano – contra 89.962 do Fiat Siena, o líder do segmento segundo dados da Fenabrave – o Renault Symbol ganhará um reforço de cerca de 330 unidades mensais com a chegada da série limitada Connection. Isso caso a expectativa da Renault de vender as 2.000 unidades da versão até março de 2011 sejam alcançadas.

Por R$ 42.690, o Symbol Connection traz como diferencial o rádio Sony, que oferece reprodução de CD e MP3, conexão via Bluetooth e entradas para USB e iPod. Além disso, há comando satélite instalado na coluna de direção, que permite operar o aparelho sem tirar as mãos do volante. Internamente, o Symbol Connection ainda se caracteriza por ostentar detalhes cromados ao redor dos alto-falantes, na ponta da alavanca de acionamento do freio de mão, nos difusores de ar e no display do computador de bordo. Externamente, a identificação é possível graças à inscrição da versão na lateral do carro, além de retrovisores e maçanetas na cor da carroceira, faróis de neblina com máscara de alumínio e rodas de liga leve de 15 polegadas. As cores oferecidas para o Symbol Connection são Gris Etoile (prata), Gris Acier (cinza) e Noir Nacré (preto).

A novidade está disponível apenas com o motor 1.6 8V Hi-Torque, e inclui também como itens de série direção hidráulica, ar-condicionado, vidros dianteiros e travas elétricos e airbag duplo.

Rodrigo Mora

|