Conforme havia nos adiantado com exclusividade um executivo da Saab presente no Salão de Paris, a marca sueca anunciará um representante no Brasil ainda no 1º trimestre. Os planos da montadora no país fazem parte de um projeto de ampliação de mercados que inclui China e Rússia, além do Brasil.

O presidente da Spyker, Victor Muller, empresa que comprou a Saab das mãos da GM, afirmou na sexta-feira (17) que a marca chegará primeiro à China – onde terá uma fábrica no futuro – e Rússia, mas que nosso mercado conhecerá o distribuidor oficial até março.

Os modelos mais cotados para serem vendidos no Brasil são o sedã 9-5 e o novo crossover 9-4X, ambos com acabamento e equipamentos equivalentes aos veículos da BMW, Mercedes-Benz e Audi. Os primeiros rumores sobre a vinda da Saab para o Brasil surgiram em agosto depois de uma declaração da montadora que buscava ampliar os países onde atua - hoje restritos a 53 mercados.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/

Veja mais notícias da marca