É bom olharmos com atenção o modelo da foto ao lado. Ele pode antecipar as formas e ideas do novo subcompacto mundial da Ford. O Start, como foi batizado, é um conceito que será apresentado no Salão de Pequim na semana que vem e que, acredita-se, se transformará num modelo do porte do atual Ka com recursos inéditos.

As novidades começam pelo design, que tem pouco a ver com o atual estilo da marca – exceto pelo bocal frontal. A união de linhas curvas com cortes retos produziu um veículo extremamente personalizado. Mas as boas notícias estão no seu interior.

No capô, o motor Ecoboost em versão de apenas 1 litro e três cilindros. Com injeção direta de combustível e turbo, o propulsor deverá gerar ao menos 100 cv de potência sem perder a característica de economia.

No cockpit, um painel que incorpora um console central com um sistema de comando semelhante a uma tela de um iPhone e que concentra diversas configurações do carro. Curiosamente, o painel de instrumentos é analógico, mas a partida é por um botão com o logo do carro, claro.

A Ford quer transformar o Start numa espécie de urbano premium direcionado as 20 maiores cidades do mundo. Resta saber quando ela “começará” a vendê-lo e por quanto.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/