A notícia que a Honda já tem um sucessor para o mítico NSX - esportivo que teve o dedo de Ayrton Senna na sua concepção – encheu os fãs de otimismo, mas, para decepção geral, o HSV-010 GT nasceu apenas para as pistas.

O cupê com motor V8 de 3.4 litros e mais de 500 cv foi concebido para dar o merecido descanso ao NSX no campeonato japonês de SuperGT. A sigla HSV significa Honda Sports Velocity, mas nem o belo visual e o apelo esportivo comoveram seus executivos a lançar uma versão de rua do modelo.

A afirmação é um tanto estranha porque o HSV-010 leva jeito de carro de rua, a despeito das modificações para competição – repare nos atraentes faróis, por exemplo. Se voltar atrás na decisão, a Honda terá um senhor rival para o Toyota LFA, o superesportivo japonês que quer desafiar Ferraris e Lamborghinis no ano que vem.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/