Ela entra no aquecido segmento dos SUVs compactos muito depois das concorrentes (lembre que o Ford EcoSport ganhou as ruas do mercado brasileiro em 2003...), mas a Volkswagen espera que seu T-Roc dê uma chacoalhada na categoria que está fervilhando por aqui e na Europa. Como brincou a própria VW parafraseando o nome de seu mais novo SUV, ele está “ready to rock” (pronto para agitar) a categoria.

Já sabemos que a Volkswagen adota uma postura muito conservadora antes de entrar em um segmento no qual não tem muita experiência. Assim foi com a Amarok, por exemplo, na categoria das picapes médias e assim será com o T-Roc. O segredo que os alemães prepararam para projetar o T-Roc no segmento hoje liderado pelo Honda HR-V no Brasil reside na tecnologia para conforto e segurança dos passageiros.

Pelo menos na Europa – e muito provavelmente por aqui também, onde será produzido – o T-Roc contará com uma gama de 10 assistentes de condução avançados que poderão ser adquiridos como opcional. Dentre eles podemos destacar o monitoramento da área frontal do veículo (Front Assist) com o sistema de frenagem autônoma de emergência (City Emergency Braking), assistente de permanência em faixa (Lane Assist), controle de velocidade adaptativo (ACC), assistente de estacionamento, dentre outros. Até mesmo o chassi ajustável (DCC) será oferecido para o SUV. Muitos desses recursos sequer figuram como opcionais para a maioria dos utilitários esportivos compactos hoje à venda no Brasil.

Até o momento a Volkswagen não deu nenhum detalhe técnico do T-Roc, algo que deverá ocorrer possivelmente no Salão de Frankfurt quando ele será revelado ao público. A marca adiantou que na Europa o T-Roc terá opção de três motores a gasolina da família TSI e outros três a diesel da gama TDI. Um dado interessante é que o sistema de tração integral 4Motion será disponibilizado para o modelo, um recurso interessante para aqueles que fazem questão da tração nas 4 rodas.

Aqui no Brasil, por sua vez, é bem possível que o T-Roc conte com o motor 1.0 TSI como uma de suas opções de motorização, o que já está confirmado para o Polo. O câmbio no T-Roc nacional deverá ser o automático de 6 marchas, outro item que estará presente no hatch. Para a Europa, o T-Roc terá como opção automática a caixa de dupla embreagem com 7 marchas.

Versatilidade também deverá ser um atributo do T-Roc, bem como na maioria dos SUVs compactos. A VW promete um espaço para carga de 445 litros no porta-malas ou 1.290 litros com o banco traseiro rebatido. O assento é bipartido na proporção 60/40, o que ajuda a combinar o transporte de cargas mais volumosas com o transporte de passageiros. A capacidade é muito boa para o uso familiar e supera levemente a do Honda HR-V, que pode transportar em seu porta-malas 431 litros de bagagem e mais 6 litros logo abaixo da tampa do assoalho.

Além do visual robusto e esportivo, que pelo menos agrada bem nas fotos e vídeo, o T-Roc trará algumas soluções mais “descoladas” para agradar o cliente do segmento. O modelo, por exemplo, será o primeiro SUV da Volkswagen a contar com a opção de pintura em dois tons, com o teto contrastando com o restante da carroceria. Assim como o Polo, a opção do painel de instrumentos digital deve conferir mais sofisticação ao T-Roc e, para agradar àqueles de espírito mais jovial, a VW vai oferecer opções de personalização inclusive na parte interna, com detalhes no painel e console central seguindo a cor da carroceria. Também será oferecido, na Europa, os pacotes Style e Sport para o T-Roc, sendo que o segundo conta até com bancos esportivos. 

O início das vendas do T-Roc está previsto para novembro deste ano na Europa. Por aqui, no mesmo mês teremos a estreia do novo Polo brasileiro, seguida pelo lançamento do Virtus ainda no primeiro semestre de 2018. Logo, o T-Roc produzido em São José dos Pinhais (PR) pode ser esperado para o segundo semestre do ano que vem. O preço? Pode esperar algo gravitando na faixa de R$ 80.000 a R$ 100.000 ou até um pouco a mais, onde hoje se encontra a maior parcela de venda desse segmento. Seguramente, se você está de olho em um SUV compacto, vale esperar pela chegada do T-Roc às lojas.  

 
 
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
Volkswagen T-Roc 2018
Volkswagen T-Roc 2018
 
 
César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/