Com o Gol G5 custando mais de R$ 30.000 a Volkswagen precisará de um carro mais competitivo para conter o avanço futuro da Fiat, que a partir de 2014 terá um novo carro popular posicionado abaixo do Uno e, consequentemente, mais barato. A resposta virá da fábrica da marca em Taubaté (SP), que nesta sexta-feira (18) teve sua expansão anunciada por Thomas Schmall, presidente da VW do Brasil.

Segundo Schmall, a fabricante investirá com mais afinco no segmento que se forma no Brasil como uma forma de também lidar com a concorrência das novas marchas chinesas que estão chegando. Ainda de acordo com o executivo, o foco do novo produto será principalmente o público jovem que busca seu primeiro automóvel. Seu preço deverá ficar na casa dos R$ 23.000.

O investimento para o aumento da planta de Taubaté consumirá R$ 360 milhões e as obras serão concluídas no final de 2012.  Ao termino da reforma, a capacidade de produção da fábrica passará dos atuais 1.050 veículos por dia para 1.300. A unidade, atualmente, já abriga a produção do Gol G5 e Voyage.

Thiago Vinholes

|

Veja mais notícias da marca