Uma das tarefas das marcas premium é vislumbrar novas tendências e segmentos. Mas essa tradição às vezes causa embaraço para elas. Uma aposta aparentemente certeira pode fracassar e tornar um modelo um grande mico.

Foi o que ocorreu com o A2, da Audi. Uma espécie de minivan compacta, o veículo era todo construído em alumínio e, por isso, muito caro pelo que oferecia. Para piorar, o design não agradou os clientes da marca e somente pouco mais de 176 mil unidades foram produzidas.

Agora a Audi pensa em ressuscitar a sigla A2, mas imagina um outro carro. Em lugar de minivan, o A2 seria um hatch comum, porém, com propulsão elétrica. A marca alemã acredita que haja mercado para um produto entre o novo A1 e o hatch A3 e planeja cobrir essa lacuna em 2014.

Segundo comentários na Europa, o novo A2 terá o sistema de propulsão e-tron usado pelo conceito A1 e inauguraria uma linha de modelos 100% elétrica na empresa.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/