Audi A3 Sedan chega ao Brasil por R$ 116.400

Modelo, que será produzido no País, é equipado com motor 1.8 TFSI de 180 cv. Versão esportiva S3 será lançada em março

Audi A3 Sedan será vendido no Brasil por preços a partir de R$ 116.400 | Imagem: Divulgação

O inédito A3 Sedan será apresentado oficialmente na semana que vem, mas a Audi já mostra o modelo em suas concessionárias. O menor sedã da marca alemã custa R$ 116.400 na versão 1.8 TFSI, com motor de 180 cv e transmissão S tronic, de dupla embreagem.

A surpresa é que o A3 Sedan custa menos que o A3 Sportback, o hatch de 4 portas (há ainda o A3 Sport, de duas portas). No Brasil é comum o hatchback custar menos que o três volumes, regra que não é seguida em outros mercados.

A estratégia mais agressiva pode ter a ver com a concorrência e também com o fato de o segmento de sedã possuir maior volume de vendas. Não é à toa que o A3 Sedan foi escolhido para ser um dos modelos a serem fabricados no Brasil a partir de 2015.

O A3 Sedan é um sedã com porte médio, ou seja, é parecido com um Corolla, mas carrega mais tecnologia – é capaz, por exemplo, de acelerar de 0 a 100 km/h em 7,3 segundos e chegar a 235 km/h. O porta-malas possui capacidade para 425 litros de bagagem.

O modelo só existe porque o A4 cresceu. O sedã chegou a ser apenas ligeiramente maior que o A3 hatch em outras gerações, mas foi promovido a outro patamar e de distanciou do irmão menor. Em relação ao A4, o A3 Sedan é mais esportivo e com visual mais agradável.

O sedã traz em seu pacote alguns itens conhecidos da Audi como o sistema multimídia MMI, a tela de 7 polegadas retrátil, o recurso Audi Drive Select, que ajusta a condução do carro em até cinco modos e direção assistida  com acionamento eletromecânico e que possui borboletas para acionamento das marchas.

Para quem achar pouco, a Audi reserva para março a versão S3, mais esportiva. Com motor 2.0 TFSI de 280 cv,  o S3 acelera de 0 a 100 km/h em apenas 4,9 segundos – a velocidade máxima é de 250 km/h limitada eletronicamente. O preço, ainda não divulgado, deve ser proporcional ao desempenho.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!