Audi RS3 Sportback retorna em nova geração e motor de 367 cv

Segundo dados da marca, versão mais esportiva do Audi A3 acelera de 0 a 100 km/h em 4,3 segundos, quase o mesmo que uma Ferrari

Audi RS3 Sportback 2016 | Imagem: Divulgação

Ausente da linha da Audi desde o lançamento da nova geração do A3 convencional, há cerca de dois anos, o RS3 Sportback volta a fazer parte do catálogo para fazer frente ao Mercedes-Benz A45 AMG. O novo hatch esportivo foi anunciado recentemente pela montadora alemã e vai ser apresentado mundialmente no Salão de Genebra, que acontece em março.

O motor que equipa o novo Audi RS3 Sportback é o 2.5 litros da linha TFSI, com cinco cilindros, capaz de entregar 367 cavalos de potência e torque máximo de 47,4 kgfm, associado a uma transmissão automatizada S tronic de sete velocidades (com mudanças para oferecer trocas ainda mais rápidas) e tração integral quattro com função de vetorização de torque controlado eletronicamente.

O dois-volumes é montado a partir da plataforma MQB, o que rendeu uma redução de peso de 55 quilos em relação a geração anterior, chegando a 1.520 kg.

De acordo com dados da marca, o novo RS3 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,3 segundos, o que é 0,3 s a menos que o modelo antigo, enquanto a velocidade limitada eletronicamente permaneceu em 250 km/h. No consumo, com sistema de recuperação, bomba de óleo controlada por demanda e um novo sistema start/stop, o hatch entrega 14,4 km/l e emissões de CO2 de 189 g/km.

Para se ter uma ideia, uma Ferrari California leva cerca de 4 segundos para ir de 0 a 100 km/h, mas custa 1,5 milhão de reais - o RS3 não deve sair por mais que R$ 300 mil.

Quando o assunto é visual, o Audi RS3 Sportback 2016 recebeu rodas de liga-leve de 19 polegadas com pneus 235/35, grade com logotipo “quattro” e grelha do tipo colmeia, novas entradas de ar no para-choque dianteiro, retrovisores com acabamento em alumínio, saias laterais, difusor traseiro, spoilers, novo para-choque traseiro e duas saídas de escape.

Já no interior, há volante com base achatada e revestimento em couro e Alcântara, bancos esportivos em couro, pedais de alumínio, portas com inserções em Alcântara, sistema de informação do motorista com indicador de pressão do turbo, medidor de temperatura do óleo e temporizador de volta, novo painel de instrumentos, entre outros.

A chegada do RS3 ao Brasil é esperada para 2015, em linha com a estratégia da marca de priorizar os modelos esportivos em seu portfólio.
 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!