Civic híbrido rende processo de R$ 16.870 para Honda nos EUA

Após denúncia e processo, proprietária do carro ganhou ação porque sedã gastava mais do que especificado

Honda Civic híbrido | Imagem: Divulgação

Você acha que seu carro está gastando muita gasolina? Faça como a Heather Peters, proprietária de um Honda Civic híbrido que processou a marca japonesa porque o sedã consumiu mais do que o especificado. Segundo o site Autoweek, a quantia que poderá ser faturada pela proprietária é de US$ 9.867 (R$ 16.870).

Ainda levando em consideração o que disse à publicação, Heather declarou que essa é uma vitória para todos os proprietários do Civic híbrido que, no caso dela, nunca completou os 21,25 km/l prometidos. A unidade utilizada por ela fazia, no máximo, 12,75 km/l.

Veja mais: novo Honda Accord aterrissa em Detroit

 A Honda, porém, não ficou quieta e já prepara a “revanche” contra a dona do três volumes com a motorização alternativa. Segundo a fabricante, os hábitos da motorista ao volante podem ter influenciado diretamente no consumo do carro.

A situação da Honda no mercado norte-americano pode piorar principalmente após a dona do sedã criar o site dontsettleewithhonda.org (não concorde com a Honda, em tradução livre) com detalhes sobre seu caso e críticas à marca japonesa. Para finalizar, a montadora levará o caso para o supremo tribunal de Los Angeles.  

Assine a newsletter semanal do AUTOO!