Cotada para o Brasil, Ford Maverick estreia dia 8

Em vídeo, Ford também revela mais detalhes sobre a rival da Fiat Toro
Projeção do site russo Kolesa antecipando a picape compacta-média Ford Maverick

Projeção do site russo Kolesa antecipando a picape compacta-média Ford Maverick | Imagem: Kolesa/Nikita Chuyko

A Ford confirmou nesta quinta-feira (3) que vai realizar a estreia definitiva da Maverick no próximo dia 8. A confirmação ocorreu por meio de alguns vídeos realizados pela marca tendo a atriz Gabrielle Union como protagonista. 

Interessante pontuar que, até o momento, a marca não havia confirmado de forma oficial o nome da picape. Quase no fim do vídeo (confira abaixo) a Ford também antecipa a parte traseira do novo modelo. 

A Ford Maverick vai inaugurar nos EUA um porte de picape semelhante ao da nossa Fiat Toro. A novidade da Ford será produzida no México ao lado do Bronco Sport, com isso são grandes as chances de que o utilitário também chegue ao nosso mercado. A picape começará a a ser vendida nos EUA ainda neste ano, o que abre a possibilidade de sua estreia no Brasil provavelmente em 2022. 

A Maverick se tornará o veículo de entrada da Ford nos EUA, com preço inicial abaixo dos US$ 20.000 e também inferior ao que é praticado para a Ranger por lá. O mesmo deverá ocorrer também aqui no Brasil. 

Para conseguir valores mais competitivos, a Maverick deverá trazer em seu catálogo de entrada soluções que ajudem a reduzir o preço final do modelo, como a suspensão traseira por eixo de torção. De qualquer forma, o modelo contará com um layout de suspensão independente nas quatro rodas nas variantes mais caras, que também devem oferecer opção de tração integral. 

Sob o capô da novidade, a Ford Maverick deverá contar com os propulsores 1.5 e 2.0, ambos da família EcoBoost com turbo e injeção direta, também presentes no Bronco Sport comercializado nos EUA. Rumores ainda apontam para a possibilidade da presença de um motor 2.0 aspirado com injeção direta, o mesmo já oferecido no Brasil pelo Focus, na Maverick de entrada. O câmbio deverá ser sempre o automático de 8 marchas produzido pela própria Ford. Não está descartada a possibilidade de uma variante híbrida para a Maverick. 

No próximo dia 8 voltaremos com mais detalhes sobre a inédita picape da Ford. Acompanhe!