noticiamos aqui no Autoo alguns rumores sobre a próxima geração do Honda City, modelo voltado para mercados emergente como o Brasil, países do Sudeste asiático, entre outros.

Agora quem retoma esse assunto é o site indiano Motor Octane, relatando que a tendência para a sétima geração do Honda City é se tornar uma espécie de “mini Civic” na medida em que também adotará contornos mais próximos aos modelos mais recentes da marca.

Além do próprio Civic atual, o híbrido Insight e o novo CR-V servirão como fontes para a atualização do City, que poderá até mesmo ganhar ares de um cupê 4 portas, direcionamento de design que também permeou a 10ª geração do Civic.

Fato é que modelos como o Honda City, Volkswagen Virtus e Fiat Cronos não disputam o mesmo tipo de cliente de sedãs de entrada como é o caso de um Chevrolet Prisma Joy ou um Renault Logan, por exemplo, onde o custo-benefício é principal direcionamento da compra. No caso do City, quem considera a aquisição do modelo deseja um pouco mais em termos de design, acabamento interno e equipamentos e certamente são nesses atributos que a Honda está de olho.

De acordo com as informações que vão surgindo nos bastidores, em mercados onde o Honda City tem grande relevância, como o asiático, a expectativa é que a nova geração seja revelada entre o fim de 2019 e o começo de 2020, sendo que, aqui no Brasil, ele poderia chegar logo depois ou talvez a Honda até adote uma estratégia diferente por aqui.

Já construído sobre uma plataforma excelente, que confere ótimo aproveitamento de espaço interno e um bom compartimento de cargas, o Honda City deverá receber em sua próxima geração apenas alguns aprimoramentos em sua arquitetura para aumentar a rigidez estrutural do conjunto e elevar o nível de segurança.

Além do caráter mais esportivo, o novo City deverá ganhar reforços no nível de equipamentos (aqui no Brasil ele ainda não conta com os controles de tração e estabilidade de série...) e conectividade, com a inclusão de uma central multimídia mais avançada. É possível que ele também receba motores mais avançados, como as opções do 1.0 e 1.5, ambos com turbo e injeção direta, que já equipa alguns modelos como os próprios Civic e CR-V Touring aqui no Brasil.

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/